Sistema português revoluciona as portagens nos EUA

A empresa portuguesa A-to-Be, detida pelo Grupo Brisa está a deixar a sua marca nos Estados Unidos com a implementação do seu inovador sistema de portagens.

Desta vez, foi a ponte Parkersburg Memorial, que liga os estados da Virgínia Ocidental e do Ohio, que recebe a tecnologia portuguesa de cobrança virtual de portagens.

Com contratos que ultrapassam os 83 milhões de euros até ao momento, a A-to-Be, do grupo Brisa, tem-se destacado no mercado competitivo dos EUA.

O novo sistema instalado na ponte substitui as tradicionais cabines de portagem por uma estrutura suspensa, permitindo uma passagem livre e fluída dos veículos, sem barreiras físicas ou necessidade de paragens.

Além de agilizar o tráfego, as receitas das portagens irão financiar melhorias na ponte, prolongando a sua vida útil por mais 50 anos e eliminando as restrições de peso dos veículos.

Este é apenas mais um exemplo de como a tecnologia portuguesa, pertencente à Brisa, está a revolucionar a mobilidade a nível mundial.

A A-to-Be, com mais de 40 anos de experiência no setor, mostra-se como um verdadeiro pioneiro, competindo com os maiores players do mercado global.

Portugal continua a fazer história nas portagens americanas, levando a sua inovação e know-how para além-fronteiras.

É um orgulho ver o talento e a tecnologia portuguesa, deixar a sua marca nos EUA e contribuir para uma experiência de condução mais eficiente e sem complicações.

Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error

Um lugar para ler e compartilhar notícias positivas. Comemorar o que é bom em Portugal. Dar às notícias boas a visibilidade normalmente guardada apenas para o que é negativo. Ajude-nos a contagiar todos com este espirito construtivo!