3.000 empresas portuguesas exportam pela 1ª vez em 2022

Portugal está a dar passos largos na arena das exportações com mais de 3.000 empresas a estrearem-se em 2022.

Em 2022, mais de 3.000 empresas portuguesas deram os primeiros passos no mundo das exportações, impulsionadas pelo seu espírito empreendedor, enquanto as exportações do país continuaram a crescer.

O Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgou recentemente os seus números, revelando que um notável total de 22.940 empresas portuguesas estiveram envolvidas na exportação de bens, marcando um significativo aumento de 1,9% em relação ao ano anterior.

Entre estas empresas destemidas, mais de 3.000 estrearam-se no emocionante palco das exportações. Os seus principais destinos? Espanha, Reino Unido e França, com a Espanha a destacar-se como líder incontestável, tanto em termos de número de empresas envolvidas como de valor total das exportações.

As abrangentes estatísticas do INE pintam um quadro vívido: em 2022, a maioria esmagadora destas empresas exportadoras (77,3%) tinha volumes de exportação até um milhão de euros.

Uma fatia considerável (20,7%) situou-se na faixa de exportação entre um milhão e 25 milhões de euros, enquanto apenas algumas empresas selecionadas (1,9%) se aventuraram no domínio das exportações superiores a 25 milhões de euros.

Comparando estes números com o ano anterior, 2022 apresentou um ganho líquido de 418 empresas exportadoras. Testemunhou 5.738 recém-chegadas a embarcar corajosamente na sua jornada de exportação, embora 5.320 empresas tenham também decidido fazer uma pausa.

Em média, as empresas portuguesas especializadas na exportação de bens atingiram um volume de exportação de 3,4 milhões de euros.

Quanto à distribuição geográfica, os distritos de Lisboa e Porto lideraram, com 5.525 (24,4% do total) e 5.021 (22,4% do total) empresas exportadoras, respetivamente. Foram seguidos por Braga, Aveiro e Leiria.

A diversificação foi um tema chave, com quase metade das empresas (48,7%) concentrando os seus esforços de exportação num único país. Enquanto isso, 4,7% das empresas expandiram o seu alcance para mais de 20 países. Espanha, Reino Unido e França emergiram como os principais destinos de exportação, acolhendo 6.775, 6.026 e 5.808 empresas portuguesas, respetivamente.

Espanha, em particular, destacou-se como o principal mercado de exportação, representando em média impressionantes 63,4% do total das exportações das empresas que vendem para esse mercado.

As 20 principais empresas exportadoras contribuíram coletivamente com um significativo 25% do total das exportações, incluindo nomes notáveis como a Petrogal, a Volkswagen Autoeuropa, a Navigator e a Continental Mabor. Vale ressaltar que as 20 principais incluíram também quatro filiais de empresas não residentes.

Este aumento nas exportações é um testemunho da crescente influência de Portugal no cenário global de comércio, destacando a inabalável resiliência económica do país e o crescente potencial exportador.

Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error

Um lugar para ler e compartilhar notícias positivas. Comemorar o que é bom em Portugal. Dar às notícias boas a visibilidade normalmente guardada apenas para o que é negativo. Ajude-nos a contagiar todos com este espirito construtivo!